Bomba!

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

IMPÉRIO - Teste de Gravidez de Maria Isis pega comendador de surpresa!

    Uma gravidez de Isis vai dar o que falar na trama e desabar com a relação dela com o comendador, furioso e desconfiado das intenções da amante, Zé Alfredo não aceitará a história de gravidez e garantirá que Isis o traiu com seu próprio filho, e essa insinuação do poderoso, vai mexer com os ânimos do casal e provocar uma discussão terrível entre os dois. E ainda, a mãe de Maria Isis será peça chave nesse mal entendido e a filha vai tirar a história a limpo com os pais e final disso será impressionante. 

    Tudo acontecerá quando Isis romper com os pais folgados e pribirá eles de irem até o seu apartamento para sugar grana, a mãe de Maria Isis enfurecida pela atitude da filha, decidirá plantar uma sementinha da discórdia no relacionamento dos dois e acabar com a vida boa da mocinha, afinal sabendo que a filha andou recebendo visitas do filho dele e eu no passado a moça sofreu de uma gravidez psicológica por ela dirá ao comendador que a moça ficou gravida uma época de João Lucas, mas que perdeu o filho logo depois. Furioso com a notícia da suposta traição de Isis irá até o apartamento da jovem para tirar essa história a limpo.

    Ele chegará dizendo que quer saber tim tim por tim tim da história sobre a gravidez histérica que ela disse ter tido no passado e Isis dirá que faz tanto tempo mas que lembra que achou que estava gravida e que foi muito confusa e que na verdade não passou de uma gravidez psicológica. Atordoado com o que Magnólia contou para ele, o comendador insistirá em querer saber se ela estava gravida ou não e se assustando com o tom do comendador Isis insistirá em dizer que não estava gravida, mas o comendador falará: “não minta pra mim Isis, não minta para mim, você estava grávida e perdeu a criança foi isso?” e Maria Isis dirá que não, pois se estivesse teria contado para ele e bravo o comendador falará: “Não teria contado porque não pode ser meu não é meu, de quem que você estava gravida?”, ela então chocada com o tom do namorado perguntará porque é que ele esta falando assim com ela e garantirá mais uma vez que não estava gravida e que se tivesse obviamente que só poderia ser dele e então ele rebaterá: “não poderia ser meu, se Você ou qualquer outra mulher só poderia ficar grávida de mim por milagre! Eu sou vasectomizado, Isis! Eu sou estéril!” e espantada a ninfeta perguntará novamente como assim e ele continuará: “Por essa você não esperava, não é? Depois que tive meus três filhos, e meu casamento começou a desandar, eu tive algumas mulheres, a maioria mais interessada na minha conta bancária do que nos meus lindos olhos e aí eu fechei a fábrica eu sou vasectomizado!”.

    Nervosa Isis perguntará porque é que ele nunca contou a ela isso, pois tinha o direito de saber  e então Zé Alfredo perguntará: “saber porque, porque contar pra que? Pra você tomar cuidado e não engravidar de outro?”, Isis então falará: “eu não acredito que você ta falando isso de mim, nunca existiu outro e nem vai!” bravo o comendador então berrará: “Lucas! João Lucas, dele que você tava gravida, foi dele? Do meu filho que tava transitando por aqui dentro de casa e me colocou chifres na cabeça!”, a discussão aumentará o tom e Maria Isis berrará mais alto: “você está louco! O que aconteceu na empresa deve ter mexido com a sua cabeça, você tá pirado, e ai você vem descontar em mim?!”, ele garantirá que a amante está o traindo e ela rebaterá que quem foi traída ali foi ela e ainda chamará ele de maluco. 

    A mocinha irá para o quarto e começará a fazer as malas para ir embora de lá, e Zé Alfredo dirá que o apartamento é dela, mas Marai Isis dirá que não quer nada que venha dele e que inclusive vai dar um jeito de ir em um advogado e conseguir devolver tudo o que ele deu para ela até então, Zé Alfredo mais calmo pedirá para que ela não piore as coisas pois ele está pedindo apenas para que ela explique o que de fato aconteceu sobre a história de gravidez e ela insistirá em dizer que não quer nada vindo dele, e que está se sentindo esfaqueada pelas costas e ele dirá que quem se sente traído é ele, mas desesperada com aquela reação Maria Isis perguntará: “mas o que é que eu fiz? Eu te amei com todas as minhas forças desde o primeiro momento que eu te vi, eu seria capaz de qualquer coisa pra ficar contigo e você tem a coragem de vir até aqui de jogar isso na minha cara de me acusar? Dizer que eu te trai e ainda por cima com o teu filho?”, Zé Alfredo piorando ainda mais a situação dirá que a história da tal gravidez com o filho dele tem um logica: “tem uma lógica, tem uma lógica nisso, eu não posso ter filhos e você disse que tava gravida e foi bem quando você recebeu o Lucas aqui sim!” e Maria Isis chorando perguntará: “ e porque que você ta me cobrando isso agora? Hein me diz? Porque você não me falou isso daquela época? O que que mudou na sua cabeça pra você falar desse jeito comigo? Claro, foi a minha mãe não foi? Eu rompi com ela, eu proibi ela e meu pai de virem aqui e ela me prometeu, prometeu não ela me jurou que ia me separar de você!”  e Zé Alfredo perguntará se ela diz isso porque a mãe sabia do segredo e então Isis rebaterá: “Segredo? Segredo José Alfredo, se você prefere acreditar naquela picareta eu não tenho mais nada pra falar!” e vendo a reação de Isis, José Alfredo tentará conduzir a situação com mais calma e pedirá que a amada conte o que aconteceu entre ela e seu filho. Ela ficará ainda mais magoada e com raiva e resolverá ferir de vez os sentimentos dele dizendo: “Eu quis te dar um golpe, sim!”, disparará. “É isso mesmo o que você tá pensando. Eu não passo de uma vagabunda, uma exploradora, uma periguete, que faz tudo para se dar bem na vida. Esse tempo todo fingi que te amava, mas não era verdade, eu te traí com vários homens, até com Batista, o porteiro.”

    José Alfredo reagirá: “Para de gracinha, Isis!” Mas ela estará decidida a dispensá-lo. “Nunca falei tão sério na minha vida. Eu quis te dar o golpe da barriga, já tava contigo há um tempão e ia sair dessa relação como entrei, sem nada. Vi no teu filho a chance de me dar bem, até porque, um filho com ele seria parecido com você, ninguém ia levantar suspeita. Mas aí você resolveu me dar este apartamento, e por sorte, eu perdi a criança.” Em seguida, ela o expulsará ele do apartamento dizendo inclusive que não quer saber mais de devolver nada, que o imóvel é dela e que ela mereceu ter ele. Zé Alfredo deixará o lugar arrasado e arrependido e Maria Isisi inconformada com a reação do namorado.

    Em seguida ela irá até a casa da mãe para tirar essa história a limpo e dirá: “A senhora fez a cabeça do comendador contra mim! Por vingancinha nojenta, por eu ter deixado de dar sua mesada, foi mentir pro José Alfredo que eu tinha ficado grávida do filho dele.”, sem querer ficar por baixo e ferrar com a vida da filha, Magnolia rebaterá: “Aqui, não vem cantar de galo não, sua franguinha! Franguinha não, que o bicho é outro: é piranha! E já fui calma demais com essazinha aí que sempre me esnobou, me dava umas esmolinhas como um chá-de-cala-a-boca, mas agora quem diz chega, sou eu! Fui lá te entregar pro seu macho sim, fiz intriga, menti, e sabe por quê? Porque você merece! Você se acha superior só porque é bonita e gostosa, e conseguiu dar uma bela de uma chave de coxa no coroa milionário, mas sabe quem fez essa sua carinha linda, esses cabelinhos ruivos irresistíveis? Eu! Eu, minha filha!”

    Isis romperá de vez com os pais e falará aos prantos: “Nunca mais quero olhar na sua cara. Nunca mais! A partir de hoje, eu sou órfã!”.




Postar um comentário

0 Comentários